A (RE)DESCOBERTA DE SI: IMPLICAÇÕES E APRENDIZAGENS PRODU-ZIDAS A PARTIR DO PROJETO “CUIDADORES QUE DANÇAM”

Erineusa Maria da Silva, Bianca Carminati Schmidt, Maria das Graças Carvalho Silva de Sá, José Francisco Chicon

Resumo


O estudo em tela objetiva compreender como o projeto de extensão “Cuidadores que dançam” tem sido ocupado/vivenciado pelas participantes a partir da análise das implicações e aprendizagens produzidas, em especial, sobre o cuidado de si nesse espaço. Caracteriza-se como pesquisa qualitativa com caráter exploratório e descritivo. As participantes foram 15 mães e/ou responsáveis que cuidam de pessoas com deficiência intelectual e que estão inseridas no projeto. Conclui que o espaço/tempo da vivência no projeto estimulou as participantes a reafirmar o seu papel social para além do ser cuidadora de pessoa com deficiência, descobrindo-se capazes de experimentar seus limites e possibilidades na vida e na dança.

 

 

 

 


Palavras-chave


Família. Cuidadores. Terapia através da dança. Pessoas com deficiência.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.60735



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment