POSSIBILIDADES DA EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO TÉCNICO

Marlon André da Silva, Lisandra Oliveira e Silva, Vicente Molina Neto

Resumo


A educação profissional e tecnológica está em expansão no Brasil, com a atribuição de contribuir para o desenvolvimento material da nação. Porém, é tarefa dos Institutos Federais de Educação (IFes) avançar para além do desenvolvimento material, cabendo-lhes proporcionar a formação para o pensar, a qual não se restringe à formação de técnicos especializados. A partir desses pressupostos faz-se uma reflexão sobre as possibilidades e os desafios da Educação Física (EF) nos (IFes), partindo-se da seguinte questão orientadora: o fato de os estudantes dos IFes procurarem certificação e qualificação profissionalizante nos Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio lhes isenta o acesso à cultura corporal de movimento? Metodologicamente, trata-se de um ensaio reflexivo, sem a consideração de dados empíricos. Ao fim, chama-se a atenção para a relação existente entre as possibilidades da EF nos IFes e o embate político-epistemológico – em nível macro e micro – no contexto da criação dos IFes. 


Palavras-chave


Ensino médio. Educação profissionalizante. Instituições. Políticas públicas.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.54333

Direitos autorais



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment