SUJEITOS, SABERES E PRÁTICAS EM CIRCULAÇÃO NAS JORNADAS INTERNACIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA: TESSITURAS E MODELAGENS PEDAGÓGICAS (BELO HORIZONTE, 1957-1962)

Cássia Danielle Monteiro Dias Lima, Meily Assbú Linhales

Resumo


Este artigo aborda, numa perspectiva histórica, o tema da formação de professores de Educação Física a partir dos métodos, conteúdos e sujeitos em circulação nas Jornadas Internacionais de Educação Física, realizadas na cidade de Belo Horizonte, entre 1957 e 1962. Com base em fontes documentais e depoimentos, identificou-se uma Educação Física de contornos moralizadores, afiançada por prescrições religiosas, realçando preceitos de uma educação integral e humanista.


Palavras-chave


História da Educação Física. Formação de professores. Modelos pedagógicos.

Texto completo:

PDF-POR PDF-ENG (English)


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.46606

Direitos autorais




Movimento

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment