Crenças do professorado de educação física das escolas públicas de Porto Alegre - RS, Brasil

Vicente Molina Neto

Resumo


O presente estudo examinou as crenças docentes de 20 Professores de Educação Física das escolas públicas de ensino básico em Porto Alegre – RS, Brasil. As decisões metodológicas foram de natureza, predominantemente, etnográfica. Realizei observações desses professores no cotidiano das escolas, entrevistas semi-estruturadas e registrei minhas impressões e eventos significativos em um diário de campo. As crenças docentes revelaram-se elementos expressivos da cultura docente dos professores de Educação Física. Elas dão visibilidade ao pensamento dos docentes sobre sua ação na escola, aparecem como estratégias de sobrevivência no ambiente escolar e oferecem aos professores a possibilidade de ampliar sua autonomia relativa no exercício de seu trabalho. Facilitar que os professores de educação física reflitam sobre suas crenças docentes pode contribuir para a discussão de formação profissional.

Palavras-chave


Trabalho Docente. Formação Profissional. Trabalho dos Professores de Educação Física.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.2666

Direitos autorais




Movimento

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment