PRIMEIRO CICLO DOS ESTUDOS DO LAZER NO BRASIL: CONTEXTO HISTÓRICO, TEMÁTICAS E PROBLEMÁTICAS

Elza Margarida de Mendonça Peixoto, Maria de Fátima Rodrigues Pereira

Resumo


O levantamento e análise do estado da arte da produção do conhecimento referente aos estudos do lazer no Brasil – a partir de suas características internas e da conjuntura mais ampla – permitiram localizar quatro grandes ciclos da produção do conhecimento. Neste trabalho aprofundamos a investigação sobre o primeiro ciclo, orientadas pelo entendimento de que a explicação para a produção de idéias deve ser buscada nas características da formação social brasileira no período. Buscamos reconhecer, no movimento contraditório das forças produtivas e das relações de produção em desenvolvimento no Brasil, os interesses pelo controle e preenchimento do tempo livre com conteúdos culturais diversificados. No processo de desenvolvimento da indústria como força motriz do desenvolvimento brasileiro, verificamos configurar-se no período uma política educacional de caráter conformador dos interesses da classe operária aos interesses da burguesia brasileira.


Palavras-chave


História. Educação. Conhecimento. Atividade de Lazer.



DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.10706



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment