Utilização de Recursos de Tecnologia Assistiva por Escolares com Deficiência Visual

Maria Elisabete Rodrigues Freire Gasparetto, Rita de Cassia Ietto Montilha, Sonia Maria Chadi de Paula Arruda, Jaqueline Sperque, Tássia Lopes de Azevedo, Maria Inês Rubo de Souza Nobre

Resumo


Este trabalho visa apresentar os resultados de duas pesquisas demonstrando como os setores de Pedagogia e de Terapia Ocupacional dos Programas Infantil e de Adolescentes com Deficiência Visual do CEPRE /FCM / UNICAMP têm atuado proporcionando aos escolares com deficiência visual (cegos e com baixa visão) a utilização de recursos de tecnologia assistiva para melhorarem o desempenho nas atividades cotidianas e como facilitadores da inclusão educacional e social. Trata-se de pesquisa quantitativa e qualitativa, em que foram investigadas as variáveis: idade, sexo, acuidade visual, uso dos recursos de tecnologia assistiva, treinamento e interação grupal. Verificou-se que a maioria dos participantes não fazia uso dos recursos de tecnologia assistiva, pois, não sabia como utilizá-lo. Com o treinamento no uso e adaptação dos recursos, os participantes do grupo puderam utilizá-los nas atividades de leitura e escrita no cotidiano.

Palavras-chave


Tecnologia Assistiva; Cegueira; Baixa visão; Pedagogia; Terapia Ocupacional

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-1654.23190

Direitos autorais



INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: teoria & prática. e-ISSN: 1982-1654 ISSN Impresso:1516-084X