A Fotografia na Pesquisa Acadêmica: sobre visibilidades e possibilidades do conhecer

Jaqueline Tittoni, Renata Ghisleni de Oliveira, Paula Marques, Grace Tanikado

Resumo


Este estudo discute a fotografia como ferramenta na pesquisa acadêmica que analisa os modos de subjetivação e os efeitos de poder na configuração das possibilidades do ver e dos jogos de produção das visibilidades. Para tanto, enfatiza os tensionamentos entre a fotografia, o fotógrafo e o ato de fotografar, tendo como referência o contexto da pesquisa-intervenção e o que temos convencionado chamar de intervenção fotográfica. Neste contexto, a experiência do fotografar mostra-se como estratégia do conhecer e do refletir sobre as visibilidades moldadas nos cotidianos e seus efeitos na produção de modos de sujeição e de resistências. Estas reflexões têm como objetivo discutir como as metodologias dobram-se e desdobram-se enquanto experiências no conhecer a vida e como estratégias de produção de sujeitos e de modos de subjetivação.

Palavras-chave


fotografia, modos de subjetivação, pesquisa acadêmica

Texto completo:

PDF () PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-1654.10467

Direitos autorais



INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: teoria & prática. e-ISSN: 1982-1654 ISSN Impresso:1516-084X