ENERGIA VITAL E SOCIOAMBIENTE: INTERFACES ENTRE O PENSAMENTO OCIDENTAL E A COSMOLOGIA INDÍGENA – O CASO JAVAÉ

Carlos Eduardo Panosso

Resumo


Ao contrário do que acontece nas sociedades ocidentais capitalistas, que pensam o mundo de modo disruptivo, criando dicotomias como cultura/natureza e sociedade/meio ambiente, no pensamento indígena, não são comuns tais oposições. Desse modo, os povos indígenas não vivem uma crise de mentalidade sobre o meio ambiente. O povo Javaé fornece elementos com os quais se torna possível pensar sobre suas “noções” de corpo e de energia vital, e como estas informam suas práticas e suas relações com o socioambiente. Entendendo este conceito como algo que contempla uma totalidade social que inclui humanos e não humanos e, desse modo, mantendo um equilíbrio social e ecológico.

Palavras-chave


socioambiente; energia vital; sociedade e natureza; Javaé.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-6524.23078

Qualis Área de Avaliação Classificação ANTROPOLOGIA / ARQUEOLOGIA B1 CIÊNCIAS AMBIENTAIS B2 COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO B2 DIREITO B3 EDUCAÇÃO B3 HISTÓRIA B3 INTERDISCIPLINAR B2 LINGUíSTICA E LITERATURA B2 LINGUíSTICA E LITERATURA B2 MEDICINA II B5 PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL / DEMOGRAFIA B3 PSICOLOGIA B3 SOCIOLOGIA