A internacionalização nas Geociências da USP: comparação entre coberturas da Web of Science e da Scopus no nível micro

Anderson de Santana, Rogério Mugnaini

Resumo


O estudo analisou a internacionalização da produção científica individual de pesquisadores do Instituto de Geociências da Universidade de São Paulo (IGc/USP) por meio de indicadores bibliométricos. Trata-se de um estudo de caso, com levantamento de dados e análise bibliométrica, e abordagem exploratória e descritiva. Foi definida uma amostra de 18 pesquisadores, cuja produção foi analisada segundo três categorias de indicadores: produção (nas fontes Dedalus/USP, Web of Science e Scopus), impacto e colaboração (somente nas bases internacionais). Com base nos resultados pôde-se constatar que a maioria dos pesquisadores da amostra aumentaram seu nível de publicação internacional. Além disso, sua produção se mostrou mais representativa na Scopus, quando comparada por meio de indicadores baseados em números absolutos de documentos indexados e citações recebidas. Contudo, ao se considerar indicadores normalizados, a vantagem da Scopus não se pronunciou na mesma magnitude, ainda que tenha sobressaído. Por fim, não se pode ignorar as especificidades das áreas, que se evidenciam nas práticas de comunicação científica, que inclui diversos fatores de escolha dos periódicos científicos, consequentemente implicando na internacionalização.


Palavras-chave


Internacionalização; Bibliometria; Geociências; Universidade de São Paulo; Performance Individual

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245240.111-133



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)