A Glamurosa Vida de uma Estrela do Jornalismo: como as revistas femininas representam a diva Fátima Bernardes

Marcia Benetti Machado, Sean Hagen

Resumo


Este artigo é parte de uma pesquisa sobre a imagem dos apresentadores do Jornal Nacional, Fátima Bernardes e William Bonner, instituída pelo discurso midiático. Partimos do pressuposto de que a glamourização da vida privada do casal é uma estratégia que permite ao JN manter-se, em princípio, afastado da tendência nacional de incorporação da estética do show aos telejornais - sem, no entanto, abrir mão de um componente de identificação com o público. Analisamos os textos de duas revistas femininas que trazem Bernardes na capa, localizando as marcas discursivas que instituem os sentidos de uma estrela que ganha a estatura de um mito: o modelo de mãe, mulher e profissional a ser copiado e invejado.

 


Palavras-chave


Jornalismo; discurso; mito; jornal nacional

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)