Comunidades de prática: aprendizado e compartilhamento de conhecimento entre trabalhadores nas organizações

Clarice Francisco de Sousa, Elisabete Gonçalves de Souza

Resumo


Analisa em que medida a participação em uma comunidade de prática, estratégia de gestão do conhecimento comumente usada em organizações, pode apoiar o processo de aprendizagem de trabalhadores. Realiza discussão sobre o processo de reestruturação produtiva e seus impactos nas políticas e diretrizes educacionais, o que vem provocando o desenvolvimento de novos modelos de educação e estratégias de capacitação dos trabalhadores em ambientes empresariais. Apresenta conceitos e pilares da gestão do conhecimento, abordando os processos de conversão adotados para transformar conhecimentos individuais em coletivos. Discute, a partir de uma abordagem crítica, conceitos e principais processos de uma comunidade de prática. Busca mapear ações que, em uma perspectiva contra-hegemônica, gerem contrapartidas para o trabalhador que participa desses ambientes de aprendizagem coletiva. Tem como campo empírico uma comunidade de prática do setor de óleo, gás natural e energia, onde, por meio da aplicação de questionários e entrevistas direcionadas aos trabalhadores, procurou-se averiguar quais são os benefícios e vantagens que esses membros adquirem ao participarem de uma comunidade de prática. Conclui que, embora uma comunidade de prática seja desenhada prioritariamente para responder necessidades da organização e proporcionar melhoria e inovação em processos de trabalho, ao se aproximar desse tipo de iniciativa, o trabalhador tem acesso a conhecimentos que não seriam obtidos de outro modo. Conhecimentos esses que, de acordo com a visão dos próprios trabalhadores, podem ser aplicados em outros contextos, gerando novas oportunidades de trabalho, no mesmo setor ou em outras organizações do mesmo ramo de atividade.


Palavras-chave


Reestruturação produtiva; Gestão do conhecimento; Comunidades de prática; Compartilhamento de informação e conhecimento; Aprendizagem organizacional

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245252.348-369



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)