A Estrutura da Carreira em Biblioteconomia: contribuição à Classificação Brasileira de Ocupações

Jussara Pereira Santos, Iara Conceição Bitencourt Neves, Ivone Job

Resumo


Analisa aspectos das carreira em Biblioteconomia no Brasil abordados pela Classificação Brasileira de Ocupações (CBO) (2002) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). A gênese da descrição e a estruturação das atividades da Área, incluídas na CBO, que contou com a presença de profissionais de vários tipos de bibliotecas são relatadas. As atividades arroladas para os bacharéis em Biblioteconomia são cotejadas com aquelas desempenhadas pelos técnicos em Biblioteconomia e pelos auxiliares de biblioteca, procurando encontrar suas correspondências, de modo a identificar o conjunto de atribuições e atividades que são desempenhadas pelos diferentes segmentos que compõem, de fato e de direito, a comunidade biblioteconômica brasileira. São abordados, também, aspectos conceituais, legais e estruturais da carreira em Biblioteconomia no Brasil, propondo-se uma hierarquização que contemple o auxiliar de biblioteca, o técnico em Biblioteconomia, o Bacharel em Biblioteconomia e, ainda, o pós-graduado com graduação ou não, na Área.


Palavras-chave


Bibliotecário; técnico em biblioteconomia; estrutura; carreira; biblioteconomia; classificação brasileira de ocupações

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)