Poder e compartilhamento da informação: relações e implicações na arena política organizacional

Rita de Cássia Martins de Oliveira Ventura, Mônica Erichsen Nassif

Resumo


Discussões sobre a importância do compartilhamento da informação e de ações para operacionalizar este compartilhamento dentro das organizações vêm sendo realizadas em diversos campos do conhecimento. Inserindo-se nessas discussões, o objetivo central desta pesquisa foi analisar como o sentimento de que informação é poder interfere na percepção e na atitude dos funcionários de organizações, tendo como pano de fundo a concepção da metáfora da organização como arena política proposta por Morgan (2002). Para tal, realizouse um estudo descritivo dentro de uma instituição financeira por meio da aplicação de um questionário. Em função dos resultados obtidos, é possível inferir que a informação, ainda hoje, é utilizada de forma estratégica e entendida como “moeda de troca” para a ascensão na carreira e o reconhecimento pessoal. O artigo apresenta, também, algumas implicações desses resultados, sugerindo um olhar mais estratégico para a Gestão de Pessoas, principalmente no que diz respeito ao recrutamento, à seleção, ao reconhecimento (financeiro ou não) e às políticas de carreira.


Palavras-chave


Compartilhamento da informação. Arena política. Instituição financeira. Poder.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245222.9-35



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)