Transgressões no campo da Ciência da Informação: abordagens de uma prática científica em permanente constituição

Meri Nadia Marques Gerlin, Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Resumo


O estudo apresenta conceitos ligados à disciplinaridade no campo da Ciência da Informação, assim como, inicia uma discussão em torno da natureza interdisciplinar dessa ciência atravessada pela transgressão metodológica. Reflete sobre a capacidade de interação com outras disciplinas que a atravessam, buscando, com isso, obter soluções de problemas perante a composição de seu objeto: a informação. Para tanto, dialoga-se com autores como Le Coadic, Bicalho e Oliveira, Francelin, Japiassú, Marques, Morin, Pinheiro, Tálamo e Smit. Considera-se que compreender como se deram as transgressões disciplinares no campo da Ciência da Informação torna-se condição essencial para dar conta de pensar a relação inter, multi e, principalmente, transdisciplinar necessária à manutenção de uma prática científica em permanente constituição.


Palavras-chave


Ciência da Informação. Interdisciplinaridade. Transdiciplinaridade. Transgressão disciplinar.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245232.34-58



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)