Epistemologia social e cultura digital: reflexões em torno das formas de escritas na web

Regina Maria Marteleto

Resumo


O artigo apresenta alguns eixos conceituais a fim de refletir sobre a produção, mediação e apropriação de conhecimentos, e sobre a configuração de dispositivos de informação e comunicação, no contexto de uma ‘cultura digital’. Recupera a ideia de epistemologia social formulada por M. Egan e J. Shera, e atualizada por autores das áreas da informação e da filosofia, para refletir sobre como as formas epistêmicas relacionam-se às práticas sociais e institucionais. Exploram-se ainda alguns conceitos da linha francesa das Ciências da Informa- ção e Comunicação: dispositivo infocomunicacional; cultura digital; texto; hipertexto; arquitexto, a fim de refletir sobre as formas estruturais das escritas e leituras na web. Se a epistemologia social orienta um programa de estudos sobre as questões de acesso, produção e apropriação social de conhecimentos, as pesquisas sobre as formas de escrita indicam caminhos teórico-práticos para entender e praticar as escritas na web.

Palavras-chave


Epistemologia social. Dispositivos de informação e comunicação. Cultura digital. Texto. Arquitexto.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245213.9-25



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)