Reflexões sobre Arquitetura da Informação para dispositivos móveis

Ítalo José Bastos Guimarães, Marckson Roberto Ferreira de Sousa

Resumo


O artigo apresenta uma reflexão sobre a aplicação dos princípios da Arquitetura da Informação (AI) aos dispositivos móveis através de seu conceito e evolução tecnológica, da adequação segundo as recomendações feitas por Morville e Rosenfeld (2006) e Firtman (2013), e da ampliação da interação entre o homem e dispositivos. A metodologia adotada constituiu em um estudo exploratório através de levantamento bibliográfico que levou-nos a conclusão de que apesar das características particulares de cada dispositivo, é possível aplicar os sistemas de organização, rotulagem, navegação e busca, seja ele um smartphone, tablet ou e-reader (leitor de livros digitais). Cabe a nós, profissionais da informação, adaptarmo-nos a esta nova realidade e o desenvolvimento de aplicativos com base na arquitetura da informação com a finalidade de promover uma experiência satisfatória e agradável aos usuários, especialmente nas unidades informacionais.

Palavras-chave


Arquitetura da Informação. Dispositivos Móveis. Interação Humano-Dispositivo Móvel. Ambiente Informacional Digital.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245221.267-288



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)