Organização do conhecimento: uma análise conceitual nos anais do ENANCIB

Lígia Maria Arruda Café, Camila Monteiro de Barros, Manuela Soares da Fonseca

Resumo


A comunicação científica se realiza por meio de representações conceituais do conhecimento especializado, cuja clareza depende da precisão terminológica. Assim, o objetivo da pesquisa é analisar o emprego do termo “organização do conhecimento” (OC), buscando-se convergências com o conceito proposto por Bräscher e Café (2010). A pesquisa bibliográfica, de caráter quali-quantitativo, teve seus dados coletados nos anais do ENANCIB - Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação, no Grupo de Trabalho 2: Organização e Representação do Conhecimento. O corpus da pesquisa está composto de 51 trabalhos. Esses trabalhos foram analisados à luz dos dois atributos do conceito norteador. Considerando que 76% dos documentos apresentaram conformidade com ao menos um dos atributos sugeridos pelo conceito norteador, é possível concluir que existe um movimento em direção à convergência da área quanto ao conceito de OC.


Palavras-chave


Organização do conhecimento. Análise Conceitual. Terminologia.

Texto completo:

RESUMO PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)