Fundamentos teóricos e estéticos do Novo Cinema Latino-Americano

Silvana Flores

Resumo


Propomos estabelecer uma análise das bases teóricas e estéticas precursoras da agenda política e de estilo do Novo Cinema Latino-Americano ao longo das décadas, que estão associadas com a produção e recepção de obras de arte no contexto da modernidade e com o desenvolvimento de uma tendência críticosocial da arte latino-americana da primeira metade do século XX. Desta forma, vamos mostrar que o cinema regionalista na América Latina nos anos sessenta e setenta, não foi um fenômeno restrito apenas a eventos históricos, mas também tinha uma fundamento que transcendeu seu tempo, e está enraizado na décadas anteriores, e em outras disciplinas estéticas.

Palavras-chave


Teoría. Estética. Manifestos. Cinema. Política.

Texto completo:

PDF (Español (España))




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)