Imaginário e ciência: novas perspectivas do conhecimento na contemporaneidade

Ana Maria Dalla Zen

Resumo


Reflete sobre o conhecimento contemporâneo, a partir de uma comparação entre a ciência cartesiana e o paradigma emergente, com base nas ideias de Ilya Prigogine. Destaca a mudança provocada pela inclusão da subjetividade na construção do conhecimento, numa perspectiva de conexão entre a emoção, a paixão e a razão como estratégia para compreensão da realidade. Analisa os conceitos de disciplinaridade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade. Destaca o papel das emoções na constru- ção do conhecimento, a partir da Biologia do Conhecimento. Conclui que a integração entre ciência razão e paixão se converte num novo modo de conhecimento que, por sua vez, conduz ao reencantamento da ciência.


Palavras-chave


Paradigma emergente. Transdisciplinaridade. Conhecimento-Novas perspectivas.

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)