Agendamento, disputas e construção do gaúcho na Internet

Liliane Dutra Brignol

Resumo


O artigo, a partir da observação de um site sobre cultura gaúcha, levanta questões sobre a construção das identidades culturais nas mídias, especialmente na Internet. No recorte proposto, parte da pesquisa “Identidade cultural gaúcha nos usos sociais da Internet: um estudo de caso sobre a Página do Gaúcho”, são apresentados três casos de agendamento midiático reforçado pela dinâmica de produção e usos da Internet: o envolvimento com a minissérie A casa das sete mulheres, o boicote ao humorístico Casseta & Planeta e as discussões geradas por uma manifestação homossexual durante um evento tradicionalista na capital do Rio Grande do Sul. Ancorado nos conceitos de midiatização, estratégias identitárias e usos sociais das mídias, o texto reflete sobre os modos pelos quais a experimentação identitária potencializada pela Internet está atuando para a reelaboração do significado atribuído à identidade gaúcha desde a sua construção midiática.

 


Palavras-chave


Midiatização; internet; identidade cultural gaúcha

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)