Concepções de literatura e formação de leitores na Biblioteconomia e Ciência da Informação: provocações a partir da obra “Paradigmas do ensino da literatura”, de Rildo Cosson

Mariana de Souza Alves

Resumo


Apresenta uma resenha do livro “Paradigmas do ensino da literatura”, de autoria de Rildo Cosson a fim de destacar suas contribuições para a área da Biblioteconomia e Ciência da Informação (BCI). Embora a obra trate do ensino da literatura, serão elencados, nesta resenha, os argumentos utilizados pelo autor capazes de alargar e de propor uma visão crítica a respeito da literatura, cuja compreensão é de essencial relevância para a atuação da(o) bibliotecária(o) em espaços de leitura literária. Descreve brevemente o mapeamento dos seis paradigmas identificados por Cosson, em suas dimensões conceituais, metodológicas e pragmáticas, ao tempo em que, a partir de uma perspectiva histórica, pontua as virtudes e limitações presentes em cada modelo. Finaliza com o questionamento acerca do conceito de literatura no âmbito da BCI e a reflexão sobre a importância de um posicionamento crítico para o campo.


Palavras-chave


Literatura. Paradigmas. Bibliotecas. Formação de leitores.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-524500.%25p



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)