Histórico do periódico

A história da revista Em Questão remonta ao ano de 1986, quando foi publicado o primeiro exemplar da Revista de Biblioteconomia & Comunicação, periódico criado experimentalmente pelos alunos da disciplina de Projeto Experimental em Jornalismo II, coordenada pelos professores Rosa Nívea Pedroso e Rubens Constantino Volpe Weine. Segundo Pedroso e Weine (1986), a intenção do primeiro número da revista era permitir a discussão das tendências teóricas das áreas de Biblioteconomia e Comunicação e servir de espaço para a divulgação de estudos e pesquisas de alunos e professores da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FABICO/UFRGS). Por ser de caráter experimental, não se tinha certeza, no momento da criação do primeiro número, se a permanência do periódico seria viável.

Segundo a professora Rosa Nívea Pedroso (editora da revista até a sétima edição em 1996), a primeira edição teve tanta repercussão que a então diretora da FABICO, professora Lourdes Gregol Fagundes da Silva, decidiu torná-la uma publicação da Faculdade e a desvinculou da disciplina de Projeto Experimental em Jornalismo II. O Conselho Editorial, inicialmente formado por professores da FABICO, teve professores de outras universidades adicionados na terceira edição, em 1988. O reconhecimento científico foi rápido e o ISSN foi conquistado na quarta edição no ano de 1989. A partir desse momento a revista passou a receber textos de diferentes instituições nacionais (PEDROSO, 2000).

Em 1994, a partir da sexta edição, a revista passou a ser patrocinada pelo Programa de Apoio à Editoração de Periódicos da UFRGS. O editorial dessa edição ressalta a importância da manutenção da periodicidade.

A sétima edição da Revista de Biblioteconomia & Comunicação, em 1996, publicou os primeiros textos internacionais da revista e constituiu o Conselho Editorial Internacional.

A publicação da Revista de Biblioteconomia & Comunicação foi interrompida de 1991 a 1993, em 1995 e de 1997 a 1999.

No ano 2000, em comemoração ao aniversário de 30 anos da FABICO, a Revista de Biblioteconomia & Comunicação voltou a ser publicada. Coordenada pela editora, professora Jussara Pereira Santos, a edição comemorativa reuniu contribuições de servidores docentes e técnicos administrativos vinculados à FABICO. O número de contribuições foi significativamente alto, o que deu forças para que os empenhos em prol do periódico fossem renovados. Mesmo assim, a revista não conseguiu manter a periodicidade e só foi novamente publicada em 2003.

O ano de 2003 marcou profundamente a revista da FABICO. O nome passou por uma grande alteração, passando de Revista de Biblioteconomia & Comunicação para Em Questão. Ainda sob o comando da professora Jussara Pereira Santos, a periodicidade passou a ser semestral, e os esforços foram direcionados para a divulgação de estudos nas áreas de Informação e Comunicação e campos adjacentes. Outra importante mudança foi o início da publicação eletrônica, que permitiu à Em Questão aperfeiçoar recursos e priorizar a visibilidade e acesso ágil ao seu conteúdo.

A partir do volume nove, de 2003, a revista Em Questão foi espaço para publicação dos resumos de teses e dissertações defendidas no Programa de Pós-graduação em Comunicação e Informação da UFRGS (PPGCOM/UFRGS), e ainda teses e dissertações defendidas por servidores docentes e técnicos da FABICO. O volume 10, de 2004, deu inicio a publicação de artigos emanados de trabalhos de conclusão de curso defendidos na FABICO. Com essa iniciativa, a Revista pretendeu, por um pequeno período, democratizar o acesso dos jovens profissionais ao universo da produção científica, estimulando-os à vida acadêmica, além de publicar esses artigos provenientes de trabalhos acadêmicos em caráter de pré-publicação e disponibilizando-os assim que fossem aprovados quanto ao mérito e forma (SANTOS, 2004).

A partir do ano de 2005 a equipe editorial da revista passou a ser coordenada pela professora Cida Golin. Foi nessa época que a Em Questão declarou a vontade de seguir rigorosamente os critérios Qualis da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), buscando assim o constante aperfeiçoamento e relevância perante a área de interesse (GOLIN, 2005). A nominata dos Conselheiros Científicos cresceu em número e ampliou a abrangência das especialidades.

Desde 2006 o periódico utiliza o Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER), desenvolvido pelo Public Knowledge Project da Universidade British Columbia. E a partir de 2007 inseriram-se na versão 2.0 do sistema todos os seus números (desde 2003). Tal iniciativa foi o reflexo do acompanhamento das inovações tecnológicas no âmbito da divulgação da produção científica recomendadas pelas agências de fomento.  Por meio do SEER o periódico ganhou rapidez e transparência nos procedimentos editoriais, desde a submissão, avaliação, até a publicação online e indexação. A utilização do protocolo OAI-PMH (Open Archives Iniciative – Protocol of Metadata Harvesting) também possibilita o intercâmbio de metadados, ferramentas de apoio à pesquisa, assim como mecanismos para preservação dos conteúdos.

O primeiro número especial da revista foi publicado no ano 2010, em comemoração aos 40 anos da FABICO. Organizada pelo editor, professor Valdir José Morigi, o número “Porto Alegre Imaginada” publicou diversos textos científicos sobre a cidade onde a Em Questão é publicada.

Em 2012, coordenada pelo editor, professor Alexandre Rocha da Silva, a revista Em Questão passou a ser publicada exclusivamente em sua forma eletrônica, objetivando seguir as tendências internacionais para periódicos científicos, otimizar recursos e agilizar a publicação dos conteúdos. Os resultados do trabalho desenvolvido se concretizaram com o conceito Qualis B1 na área de Ciências Sociais Aplicadas no ano de 2012.

Buscando aprimorar a qualidade da revista e alcançar melhores conceitos Qualis e a indexação em bases de dados nacionais e internacionais, a Comissão Editorial da revista propôs, ao final de 2013, diversas mudanças. Criou-se uma nova identidade visual e o projeto gráfico da revista foi adequado ao meio eletrônico, disponibilizando-se aos autores um template específico para publicação digital. Foi neste ano que a revista foi indexada pela base de dados ProQuest Library Science.

Em continuidade, 2014 também foi um ano chave para a Em Questão: a revista vinculou-se ao Programa de Pós-graduação em Comunicação e Informação (PPGCOM) e passou a publicar somente artigos e resenhas da área da Ciência da Informação. Coordenada pela professora Samile Andrea de Souza Vanz, a comissão editorial e equipe vêm dedicando esforços para melhorias na identidade visual e usabilidade da revista Em Questão, além da agilização dos processos de recebimento, avaliação e publicação de textos.

Em 2015 a revista Em Questão criou a seção Online First, onde são publicados os textos aprovados que aguardam o lançamento de um novo fascículo. Tal seção viabiliza maior agilidade no processo de comunicação científica entre a comunidade da Ciência da Informação. Nesse mesmo ano a Em Questão passou a ter periodicidade quadrimestral.

A maior visibilidade e acesso aos artigos da Em Questão foi obtida em 2016, quando a revista foi incorporada na coleção Redalyc, a Red de Revistas Cientificas de América Latina y el Caribe, España y Portugal. No final deste mesmo ano o Qualis A2 para a área de Comunicação e Informação foi obtido, configurando um novo patamar no reconhecimento da qualidade da Em Questão.

Em agosto de 2017 a revista passou a ser indexada pelo Google Acadêmico e pela Dialnet, base de dados espanhola de Ciências Sociais e Humanidades. No mesmo período, a fim de atender as novas demandas advindas do reconhecimento e visibilidade alcançados, a revista incorporou em sua equipe uma profissional bibliotecária. O ano foi marcado também pelo lançamento do plano de marketing da revista, que incluiu entre seus produtos, a página da Em Questão no Facebook.

 

 

Referências


GOLIN, Cida. Apresentação. Em Questão, Porto Alegre, v. 11, n. 1, 2005.

PEDROSO, Rosa Nívea. Um projeto pedagógico se transforma em um projeto científico internacional: uma pequena história da Revista de Biblioteconomia & Comunicação. Revista de Biblioteconomia & Comunicação, Porto Alegre, v. 8, p. 291-292, jan./dez. 2000.

SANTOS, Jussara Pereira. Editorial. Em Questão, Porto Alegre, v. 10, n. 1, 2004.