A CRISE NA UCRÂNIA E OS NÍVEIS DE ANÁLISE EM SEGURANÇA INTERNACIONAL: UM EXERCÍCIO ANALÍTICO A PARTIR DA ESCOLA DE COPENHAGEN

Bruno Hendler

Resumo


A partir da abordagem teórico-metodológica da Escola de Segurança Internacional de Copenhagen, busca-se compreender as raízes da crise interna do Estado ucraniano a partir da identificação dos atores externos relevantes no nível regional, inter-regional e global.


Palavras-chave


segurança internacional; crise ucraniana; política externa das grandes potências.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2178-8839.48442



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

Conjuntura Austral - ISSN: 2178-8839

       UFRGS