A COOPERAÇÃO SUL-SUL NA POLÍTICA EXTERNA DO GOVERNO LULA (2003-2010)

André Luiz Reis da Silva, Luiza Salazar Andriotti

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar a cooperação Sul-Sul desenvolvida durante do governo Lula, nos marcos das transformações ocorridas na política externa brasileira recente. Inicialmente, discute o conceito de cooperação Sul-Sul e sua importância para a inserção internacional do País. Posteriormente, analisa as prioridades e os projetos articulados para os países em desenvolvimento, bem como estuda o caso da “cooperação horizontal” promovida no âmbito do IBAS. A principal hipótese é que a cooperação Sul-Sul desenvolvida durante o Governo Lula tem um caráter flexível, adaptado as múltiplas realidades dos países em desenvolvimento. Muito além da dimensão de solidariedade, a cooperação Sul-Sul do governo Lula teve um caráter pragmático, seja para reforçar parcerias estratégicas, para ampliar a presença em amplas regiões, ou para ampliar o comércio.


Palavras-chave


Governo Lula; cooperação Sul-Sul

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2178-8839.32986

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

 

Conjuntura Austral - ISSN: 2178-8839

       UFRGS