EVIDENCIAÇÃO DOS RECURSOS APLICADOS EM PESQUISA, DESENVOLVIMENTO & INOVAÇÃO E DA REDUÇÃO DE CARGA TRIBUTÁRIA POR EMPRESAS LISTADAS NA BM&FBOVESPA

Autores

  • Iago França Lopes Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Ilse Maria Beuren Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Iara do Rocio Barros Dametto Universidade Federal do Paraná - UFPR

Palavras-chave:

Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação, Redução da carga tributária, Lei do Bem, Lei nº 11.196/2005

Resumo

Este estudo objetiva verificar a divulgação das informações sobre os recursos aplicados em Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação e a redução da carga tributária pelas companhias de capital aberto que se utilizaram dos benefícios fiscais da Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005. A amostra compõe-se de 53 empresas, resultado da intersecção das listadas na BM&FBovespa e no Relatório Anual da Utilização dos Incentivos Fiscais do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), anos base 2011 e 2012. Para a constatação das informações evidenciadas sobre pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica e redução da carga tributária, por meio da busca das expressões pré-determinadas, realizou-se pesquisa documental nos Relatórios de Administração das empresas. Os resultados da análise de conteúdo reforçam a qualidade das informações encontradas, pois as mesmas contemplam na íntegra os construtos estabelecidos na pesquisa. No entanto, observa-se uma relativa disparidade quanto ao nível de evidenciação das empresas para as duas categorias de análise em ambos os anos, o que cria um cenário propício para órgãos reguladores estabelecerem medidas que assegurem a observância da Lei. Fica ainda uma chancela de adequações do que divulgar e como divulgar no que tange ao uso de incentivos fiscais relativos à inovação tecnológica. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Iago França Lopes, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Contabilidade

 Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Ilse Maria Beuren, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Doutora em Controladoria e Contabilidade pela FEA/USP

Professora do Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Iara do Rocio Barros Dametto, Universidade Federal do Paraná - UFPR

Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Paraná - UFPR

Downloads

Publicado

2016-08-31

Edição

Seção

Artigos