PRINCIPAIS CAUSAS DAS DIFERENÇAS INTERNACIONAIS NO FINANCIAL REPORTING: UMA PESQUISA EMPÍRICA EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR DO NORDESTE E CENTROOESTE DO BRASIL

Jorge Katsumi Niyama, Patrícia de Souza Costa, Ducineli Régis Botelho de Aquino

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo principal identificar as principais razões para a existência de diferenças internacionais nos procedimentos utilizados para preparação e apresentação das demonstrações financeiras das empresas (financial reporting), bem como avaliar a percepção de docentes de universidades públicas no âmbito das regiões Centro-Oeste e Nordeste quanto à classificação dos sistemas contábeis brasileiros como integrante do Modelo Anglo-Saxão ou do Modelo Europeu-Continental. Os resultados da pesquisa demonstram que existem divergências entre as principais razões para a existência de diferenças internacionais nos sistemas contábeis elencadas pela literatura e as razões apontadas pelos docentes dessas universidades; e que estes consideram os sistemas contábeis brasileiros como integrantes do Modelo Europeu-Continental.

Palavras-chave


Contabilidade internacional. Financial reporting. Instituições de ensino superior.

Texto completo:

PDF


 
 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores

  PROPESQ   PROPESQ    PROPESQ 

  PROPESQ  PROPESQ     PROPESQ

Spell  

 
.........................................................................................................................................................................................................................

ConTexto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Controladoria e Contabilidade da UFRGS - E-ISSN: 2175-8751

         UFRGS