DETERMINANTES DA ESTRUTURA DE CAPITAL DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE CAPITAL ABERTO

Guilherme Kirch

Resumo


Apesar do grande número de obras sobre estrutura de capital, ainda não há uma definição clara de como os gestores determinam a composição dos financiamentos das empresas (estrutura de capital). Dessa forma, considera-se relevante a exploração desse assunto, por meio da verificação dos determinantes que poderiam explicar as decisões de estrutura de capital por parte dos administradores. Neste estudo, portanto, objetiva-se verificar quais são os determinantes apresentados pela literatura acerca do assunto e testá-los com dados de empresas brasileiras de capital aberto, provenientes das suas demonstrações contábeis e do mercado, utilizando a metodologia de análise de dados em painel, o que representa um diferencial em relação aos estudos empíricos anteriores que relacionaram tais determinantes à alavancagem financeira das empresas brasileiras. Os principais resultados deste estudo indicam que alguns determinantes (Rentabilidade, Tangibilidade e Oportunidades de Crescimento) apresentam os resultados esperados pela teoria, enquanto outros (Risco, Tamanho e Estrutura de Controle), mostram-se insignificantes, contrariando o prescrito pelas teorias acerca da estrutura de capital (Hipóteses de Static-Tradeoff, Hipóteses de Assimetria Informacional e Pecking Order).

Palavras-chave


Estrutura de capital. Determinantes. Dados em painel. Empresas de capital aberto.

Texto completo:

PDF


 
 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores

  PROPESQ   PROPESQ    PROPESQ 

  PROPESQ  PROPESQ     PROPESQ

Spell  

 
.........................................................................................................................................................................................................................

ConTexto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Controladoria e Contabilidade da UFRGS - E-ISSN: 2175-8751

         UFRGS