Fronteiras em movimento: o debate entre a ciência e a religião no espiritismo

Alberto Calil Junior

Resumen


O trabalho analisa as relações que se estabelecem entre os campos da Ciência e da Religião, bem como a conformação de fronteiras de cada uma dessas categorias, tendo por base o discurso das Ciências Sociais sobre o Espiritismo. A título de comparação analisa-se também um debate ocorrido no campo das Ciências Sociais da Religião, no qual tais categorias estiveram em escrutínio.

Palabras clave


Espiritismo; Ciência; Religião; Modernidade

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-2650.31438