A regulação dos discursos sobre letramento no Orkut: um breve ensaio

Patricia Camini

Resumo


O objetivo deste trabalho é examinar um recorte das produções discursivas sobre letramento no espaço virtual do Orkut. Ele se inscreve no âmbito das discussões que procuram estabelecer relações entre poder e produção de significados para as práticas docentes na alfabetização, à luz dos estudos de Michel Foucault. Para tal fim, o trabalho está organizado em quatro partes: na primeira, situa-se a pertinência do estudo, seus objetivos e filiação teórica; na segunda, analisam-se os discursos que pretendem ampliar o sentido de letramento para outras práticas, que não apenas as que envolvem a leitura e a escrita; na terceira, são abordados os sentidos atribuídos pelos(as) professores(as) às relações entre alfabetização e letramento, e, por fim, tecem-se algumas reflexões acerca da regulação da produção discursiva no Orkut sobre letramento.

Palavras-chave


Alfabetização; letramento; Orkut

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2595-4377.5106