As políticas públicas de educação e o ensino médio maranhense

Diana Barreto Costa

Resumo


Buscou-se na história da Educação do Brasil, e mais especificamente nas políticas públicas de educação do Maranhão desde a gestão da então governadora Roseana Sarney, os impactos dessas políticas na qualidade do ensino médio de Imperatriz-Maranhão. A investigação revelou as precárias condições do sistema educacional do Estado. Dentre as causas destaco o freqüente adiamento do início do ano letivo, as constantes ameaças e deflagração de greves, as frágeis e não planejadas estratégias para a contratação de professores, a inexistência de projeto político-pedagógico em muitas escolas. Este estudo mostra que é possível resgatar a cidadania dos jovens através da otimização da qualidade da educação nas escolas públicas do Maranhão. A investigação resultou na elaboração de recomendações políticas, metodológicas, pedagógicas e educacionais para os envolvidos com a educação do Estado.

Palavras-chave


Educação; Políticas públicas; Qualidade; Ensino Médio; Maranhão.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2595-4377.5005

Direitos autorais 2008

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN 0103-6041
ISSN 2595-4377 (online)


Indexadores

Apoio e fomento