O diagnóstico de TDAH: implicações na aprendizagem escolar da criança

Rosina Forteski, Fabiane Pufal, Maira Maria da Costa, Ricardo Michalak, Tânia Mara Nüssner

Resumo


O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) inscreve-se no conjunto das problemáticas identificadas no ambiente escolar na contemporaneidade. Fator sabidamente promotor de sofrimento, conflitos e defasagens em diversos contextos, o TDAH tende a se apresentar como uma condição contribuinte para o fracasso escolar. Para a construção deste artigo buscou-se investigar as relações entre o diagnóstico de TDAH e suas implicações na aprendizagem escolar. Conclui-se com este artigo que o diagnóstico pode ser utilizado como justificativa para o fracasso escolar por um viés que culpabiliza a criança e isenta os demais responsáveis. Neste sentido uma preocupação consistente diz respeito à capacitação dos profissionais envolvidos no tratamento da criança e nas demais pessoas responsáveis pelo seu cuidado, pois o uso tendencioso e irresponsável do diagnóstico e dos meios de tratamento pode contribuir para a aniquilação das expressões idiossincráticas da criança.

Palavras-chave


TDAH; Psicologia; Fracasso escolar; Diagnóstico; Implicações.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2595-4377.32571