INTERPRETAÇÕES DA POLÍTICA ECONÔMICA NOS GOVERNOS LULA E ROUSSEFF

Lucas Gonçalves de Lima, Pedro Cezar Dutra Fonseca

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo investigar a controvérsia entre as interpretações sobre a política econômica dos governos Lula (2003-2010) e Rousseff (2011-
2016) e sua relação com o desempenho da economia no período, principalmente em
termos de crescimento. Do ponto de vista metodológico, duas escolhas são realizadas.
A primeira consiste na separação dos governos e a criação de uma seção para cada
um deles. Entende-se que esta resulta da imposição do próprio objeto, pois, na maioria
das vezes, os autores tratam-no separadamente em seus trabalhos, de modo que não se
poderia expor a literatura sobre o período abstraindo tal fato. A segunda é a divisão das
interpretações em dois grupos: as mais afinadas com o mainstream e as mais próximas
à heterodoxia. Essa opção tem por objetivo facilitar a exposição e dar organicidade ao
material empírico pesquisado. As hipóteses são duas: a primeira é que os autores do
mainstream explicam o desempenho positivo do governo Lula a partir da evolução
do cenário externo e responsabilizam a política econômica pela crise, principalmente
a chamada nova matriz macroeconômica do governo Rousseff; a segunda é que os
autores da heterodoxia defendem que a política econômica do governo Lula definiu o
maior ritmo de crescimento do período e interpretam a crise econômica de 2015-2016
como derivada de variáveis exógenas, tanto externas (crise internacional), quanto internas (fatores políticos e institucionais).


Palavras-chave


Economia Brasileira; Política Econômica; Crescimento Econômico; Governo Lula; Governo Rousseff

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.99004

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456