SPREAD BANCÁRIO: UMA ANÁLISE COMPARATIVA A PARTIR DA LITERATURA INTERNACIONAL

Rodrigo Mendes Leal, Luiz Fernando de Paula

Resumo


O objetivo deste artigo é avaliar a literatura empírica internacional sobre o spread bancário, considerando as especificidades da abordagem metodológica e dos tipos de medida adotada. Por meio da classificação e da análise comparativa da literatura, constata-se que as características dos países com maior destaque como determinantes do spread bancário são os fatores macroeconômicos e o grau de concentração de mercado. Ademais, identificaram-se, nos resultados, de acordo com a medida do spread utilizada, evidências de diferenciação que suscitaram a proposição de investigações sobre algumas questões relacionadas à temática tratada.


Palavras-chave


Instituições financeiras; Bancos; Spread bancário

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.11123



 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456