ECONOMIA DOS RECURSOS NATURAIS E SEUS INDICADORES DE ESCASSEZ: UMA QUESTÃO DE SUSTENTABILIDADE

Andrea Sales Soares de Azevedo Melo

Resumo


A ciência econômica divide seu campo de estudo para as questões do meio ambiente a partir das funções que este exerce na vida do homem. Neste contexto, a Economia dos Recursos Naturais trata o mesmo como ofertante de recursos, o que, tradicionalmente, foi sempre trabalhado em termos de eficiência intergeracional. O desenvolvimento sustentável, entretanto, provocou que a disponibilidade de recursos passasse a ser vista como uma questão de eqüidade, e não mais de eficiência, fato que representa uma mudança de paradigma para a Economia dos Recursos Naturais. Este artigo faz uma resenha do estado da arte neste campo da economia, ressaltando os principais pontos que se encontram atualmente em discussão, em especial no que se refere ao desenvolvimento de indicadores da escassez da disponibilidade dos recursos.

Palavras-chave


Sustentabilidade. Economia dos recursos naturais. Indicadores de escassez.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.10820



 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456