Comportamento sexual e características seminais de suínos jovens com diferentes desempenhos de crescimento

Fabiane Mendonça Ferreira, Ivo Wentz, Isabel Regina Scheid, Simone Bonine Afonso, Antônio Lourenço Guidoni, Fernando Pandolfo Bortolozzo

Abstract


A capacidade reprodutiva dos machos é de grande importância na eficiência da indústria de criação animal. A investigação de características reprodutivas fornece informações sobre a idade ideal à primeira coleta de sêmen. O objetivo deste trabalho foi avaliar o comportamento sexual e as características seminais de machos suínos jovens com diferentes ganhos de peso do nascimento aos 100kg. Aos 143 dias de idade, 62 machos Landrace e Large White com 810 a 885g/dia (n=29) (grupo de  desempenho 1; GD1) e com 649 a 694g/dia (n=33) (GD2) foram avaliados quanto ao comportamento sexual. A partir de 150 dias, foi coletado sêmen de 33 destes machos duas vezes por semana durante onze semanas. As características seminais foram monitoradas até que os machos atingissem os 232 dias de idade. Machos GD2 tiveram melhor performance sexual que machos GD1 quando expostos a fêmeas em estro. Houve aumento do volume de sêmen, da concentração e da motilidade espermáticas e do número total de espermatozóides no ejaculado. Machos GD1 ejacularam maiores volumes de sêmen (p=0,043) que machos GD2, mas com maior percentual de espermatozóides anormais (p=0,022). Machos GD2 ejacularam sêmen com maior concentração espermática (p=0,027). Não foram encontradas diferenças entre os grupos de desempenho em relação à motilidade espermática (p=0,258), número total de espermatozóides ejaculados (p=0,195) e liberação diária de espermatozóides (p=0,579). Estes dados indicam que machos com maior ganho de peso do nascimento aos 100kg apresentam performance sexual inferior e, até atingirem 232 dias de idade, produção espermática similar a de machos com menores taxas de crescimento, no entanto com maior percentual de células espermáticas anormais.


Keywords


Machos jovens; Produção espermática; Qualidade espermática



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.17227

Copyright (c) 2018 Fabiane Mendonça Ferreira, Ivo Wentz, Isabel Regina Scheid, Simone Bonine Afonso, Antônio Lourenço Guidoni, Fernando Pandolfo Bortolozzo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.