Coinfecção por Anaplasma platys e Ehrlichia canis em cães diagnosticada pela PCR

Valéria Régia Franco Sousa, Teresa Cristina Bergamo do Bomfim, Arleana do Bom Parto Ferreira de Almeida, Luciano Antunes Barros, Kátia Gouveia Sales, Christiano Henrique da Silva Justino, Luciana Dalcin

Abstract


O

 

Anaplasma platys é o agente de uma doença branda conhecida como trombocitopenia cíclica canina, que cursa frequentemente com trombocitopenia e parasitemia das plaquetas, a cada quatorze dias. Alguns recentes relatos têm descrito uma doença severa principalmente associada à infecção por Ehrlichia canis. Este relato descreve os principais achados clínicos, hematológicos e bioquímicos da coinfecção por A. platys e E. canis diagnosticada através da PCR e nested PCR, usando oligonucleotídeos específicos. Os cães apresentavam sinais inespecíficos, sem distúrbios hemostáticos como trombocitopenia, considerado principal achado da infecção por A. platys e comum na E. canis. Anemia foi observada nos dois casos, e em nenhum houve alteração nos níveis séricos de ureia, creatinina, alanino aminotransferase e fosfatase alcalina. Em um cão, observou-se hiperglobulinemia, decorrente da resposta imune, concordando com a literatura que cita exacerbação clínica associada a este tipo de coinfecção.


Keywords


Cães; Anaplasma platys; Ehrlichia canis; PCR



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.16348

Copyright (c) 2018 Valéria Régia Franco Sousa, Teresa Cristina Bergamo do Bomfim, Arleana do Bom Parto Ferreira de Almeida, Luciano Antunes Barros, Kátia Gouveia Sales, Christiano Henrique da Silva Justino, Luciana Dalcin

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.