Desequilíbrio nutricional e composição do leite em uma unidade de produção situada na bacia leiteira central da Argentina

Victoria Noel Vázquez Fernandez, Maira Balbinotti Zanela

Abstract


A composição do leite é um fator de suma importância, seja por seu melhor aproveitamento industrial, seja pelo pagamento dado ao produtor. O teor de nutrientes do leite, principalmente gordura e proteína, é resultado do somatório de vários fatores relacionados à produção. O objetivo desse trabalho é relatar uma situação de desequilíbrio nutricional, ocorrida em uma propriedade da Bacia Leiteira Central da Argentina, e as conseqüentes variações na composição do leite. A dieta das vacas em lactação era composta por alfafa

 

ad libitum sob pastoreio direto, grãos de milho e/ou sorgo, silagem de milho ou sorgo, feno de setária ou alfafa e permeado de lactose. Foi observada a ocorrência nos animais de: claudicação, pododermatites, diarréia profusa e alimentos não digeridos nas fezes, diminuição dos sólidos totais e aumento do teor de nitrogênio uréico no leite. Os sintomas indicaram acidose. Foram realizadas medidas de correção da dieta, com aumento do aporte de fibra efetiva e redução do permeado de lactose. Houve diminuição da sintomatologia observada, com redução do nitrogênio uréico e aumento do teor de sólidos totais do leite.


Keywords


Acidose ruminal; NUL; Permeado de lactose; PDR; Sólidos totais do leite



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.16131

Copyright (c) 2018 Victoria Noel Vázquez Fernandez, Maira Balbinotti Zanela

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.