Avaliação sorológiga de anticorpos para Leishmania spp. através da reação de imunofluorescência indireta em população canina da região da Lomba do Pinheiro, cidade de Porto Alegre, RS, Brasil, a partir de casos autóctone humanos de leishmaniose tegumentar

Jairo Ramos de Jesus

Abstract


A Leishmaniose é uma doença parasitária causada por protozoários do gênero

 

Leishmania, considerada em expansão no Brasil. No ano de 2002 foi notificado o primeiro caso humano autóctone de Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA) no município de Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Atualmente, já foram notificados 17 casos humanos até o presente momento, e existem vários casos suspeitos, esperando por confirmação diagnóstica, o que torna o Estado uma área de risco para LTA. No meio urbano, o cão tem um papel importante, servindo de fonte de infecção e reservatório do protozoário. Sendo assim, foi realizada uma avaliação sorológica em 200 cães domiciliados no raio de 1 km a partir da localização de 3 casos autóctones humanos, ocorridos na Estrada do Rincão localizada na região do Bairro Lomba do Pinheiro, município de Porto Alegre, RS, Brasil. A reação de Imunofluorescência Indireta (IFI) foi usada para o diagnóstico sorológico dos cães participantes do estudo. A soroprevalência para anticorpos de Leishmania spp. encontrada foi de 3,5% (7/200), sendo que do total de positivos, 6 eram de indivíduos machos e 1 de uma fêmea. Utilizando o Teste Exato de Fisher para analise estatística, observou-se uma associação significativa (p = 0,0484) entre a positividade na IFI e o sexo dos animais, sendo evidenciado que os machos têm 7 (odds-ratio = 7,624) vezes mais predisposição à infecção do que as fêmeas. Nos demais aspectos analisados estatisticamente (raça e idade), não foram encontradas associações significativas.


Keywords


Leishmania spp.; Reação de imunofluorescência indireta; Cães



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.16092

Copyright (c) 2018 Jairo Ramos de Jesus

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.