Quilotórax associado à torção de lobo pulmonar em gata

Raquel Calixto, Heloisa Justen Moreira de Souza, Katia Barão Corgozinho

Abstract


A torção de lobo pulmonar (TLP) é uma enfermidade rara em cães e excepcional em gatos. Os lobos mais afetados são os médios direito e esquerdo, embora qualquer  lobo possa sofrer uma torção, sendo que sua etiologia é pouco compreendida. O quilotórax é o acúmulo de fluido linfático na cavidade torácica, que ocorre com grande freqüência em gatos, e está freqüentemente associado à TLP, mas ainda não foi esclarecido se ele é a causa ou a conseqüência da torção. Os sinais clínicos incluem tosse, prostração, taquipnéia, dispnéia, anorexia, vômito, e diarréia. Uma gata, sem raça definida, esterilizada com 13 anos de idade foi encaminhada para clínica veterinária particular (Gatos & Gatos Vet.) no Rio de Janeiro, apresentando intensa dispnéia, anorexia, prostração. O estudo radiográfico evidenciou efusão pleural grave, e aumento da radiopacidade cranial após drenagem do fluido. Procedeu-se a colocação de dreno torácico e após a estabilização do animal, foi realizada toracotomia, que revelou a TLP médio esquerdo, sendo feita à lobectomia. do mesmo. Cerca de três semanas após o primeiro atendimento foi retirado o dreno, mas o animal não resistiu vindo a óbito após quatro semanas.


Keywords


Torção de lobo pulmonar; Quilotórax; Gatos



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.15981

Copyright (c) 2018 Raquel Calixto, Heloisa Justen Moreira de Souza, Katia Barão Corgozinho

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.