Relação entre circunferência escrotal, libido, hormônios e características do Sêmen em touros Brangus e Pardo-Suíço

Marcelo George Mungai Chacur, Fernando Pereira Sirchia, Eduardo Pontalti Zerbinatti, Sérgio do Nascimento Kronka, Eunice Oba

Abstract


A libido é um importante componente da habilidade de procriação dos touros; todavia não é fácil realizar a mensuração da mesma durante o exame do aparelho reprodutor. A libido é melhor traduzida em touros jovens e a circunferência escrotal está favoravelmente correlacionada com o perfil do sêmen. Dezesseis touros Brangus e oito Pardo-Suíços com 36 meses de idade, criados extensivamente foram avaliados. O  objetivo do trabalho foi estudar as relações entre circunferência escrotal, libido, hormônios e características do sêmen em touros Brangus e Pardo-Suíço. Os touros foram divididos em dois grupos experimentais: grupo 1- com 16 touros Brangus e grupo 2- com 8 touros Pardo-Suíços, avaliados sexualmente por meio de exame físico e das características morfológicas do sêmen, comportamento sexual e concentrações séricas de testosterona e cortisol. Houve diferença nas concentrações séricas de testosterona (P<0,05) e cortisol (P<0,01) entre os grupos. Nenhuma correlação (P>0,05) entre libido, circunferência escrotal, motilidade, concentração, testosterona e defeitos maiores foi obtida. Observou-se correlação entre motilidade e turbilhão (0,50; P<0,05), vigor e turbilhão (0,58; P<0,01), libido e vigor (0,55; P<0,01) e para libido e cortisol (-0,41; P<0,05). Conclui-se que não há correlações entre libido e qualidade espermática, libido e circunferência escrotal e entre libido e testosterona.


Keywords


Touros; Testosterona; Cortisol; Sêmen; Comportamento sexual



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.15966

Copyright (c) 2018 Marcelo George Mungai Chacur, Fernando Pereira Sirchia, Eduardo Pontalti Zerbinatti, Sérgio do Nascimento Kronka, Eunice Oba

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.