Emprego da abraçadeira de náilon na orquiectomia em eqüinos

Luiz Antônio Franco da Silva, Rofrigo Oliveira França, Dirson Vieira, Vinícius Rodrigues de Sousa, Leandro Guimarães Franco, Maria Ivete Moura, Marco Augusto Machado Silva, Bruno Rodrigues Trindade, Gustavo Lage Costa, Karollina Moraes Bernardes

Abstract


Em alguns criatórios os métodos de orquiectomia em eqüinos ainda são realizados por leigos e de forma empírica, sem atenção à higiene e a hemostasia preventiva dos vasos que compõem o cordão espermático, resultando muitas vezes em óbito do animal. O objetivo desse estudo foi avaliar a eficácia da abraçadeira de náilon, na orquiectomia em eqüinos, como método hemostático, possíveis complicações pós-operatórias e o custo do procedimento. Foram empregados 24 animais machos não castrados, sem raça definida (SRD), clinicamente saudáveis, com peso corporal variando entre 300 kg e 400 kg e faixa etária entre três a oito anos. Avaliou-se os resultados dos procedimentos cirúrgicos por meio de exames clínicos, hematológicos e a ocorrência de complicações trans e pós-operatórias. Além da presença de edema nos eqüinos de todos os grupos, ocorreu um óbito quando se utilizou o emasculador. A abraçadeira de náilon subjetivamente avaliada mostrou-se resistente a tração exercida no local da aplicação e quando comparada ao uso do emasculador e categute apresentou menor custo e reduziu o tempo de duração do procedimento.


Keywords


Castração; Eqüinos; Hemostasia; Poliamida náilon



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.15378

Copyright (c) 2018 Luiz Antônio Franco da Silva, Rofrigo Oliveira França, Dirson Vieira, Vinícius Rodrigues de Sousa, Leandro Guimarães Franco, Maria Ivete Moura, Marco Augusto Machado Silva, Bruno Rodrigues Trindade, Gustavo Lage Costa, Karollina Moraes Bernardes

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.