Condrossarcoma de escápula em felino

Ana Cristina Pacheco de Araújo, Anderson Luís Seitz, David Dreimeier

Abstract


Condrossarcomas são tumores malignos em que células neoplásicas produzem uma matriz cartilaginosa, mas nunca produzem osteóide ou osso diretamente. São tumores mais comuns em cães maduros de raças de grande porte e em ovinos, sendo que os sítios de origem principais são os ossos planos do esqueleto como costelas, ossos nasais e pélve. Podem se transformar em tumores lobulados e muito grandes, apresentando um curso clínico mais prolongado, crescendo mais lentamente e desenvolvendo metástases mais tardiamente que os osteossarcomas. O objetivo desse trabalho é de relatar um caso de condrossarcoma de escápula ocorrido em um felino, fêmea, sem raça definida, de dez anos de idade, que foi atendido no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.


Keywords


Felinos; Escápula; Condrossarcoma



DOI: https://doi.org/10.22456/1679-9216.15079

Copyright (c) 2018 Ana Cristina Pacheco de Araújo, Anderson Luís Seitz, David Dreimeier

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.