QUEBEC: LITERATURA, HISTÓRIA E IDENTIDADES EM CONFLITO

Luciano Passos Moraes

Resumo


A literatura quebequense caracteriza-se pelo debate em torno do problema do pertencimento, processo observado desde as origens da província e que até hoje provoca a discussão acerca das identidades em contato no Quebec. Tal discussão se intensifica pela presença das chamadas literaturas migrantes, corrente que trouxe ao seio daquele sistema literário a escrita do exilado e do imigrante e, consequentemente, estimulou a abordagem de problemas sociais relacionados à questão da inclusão e à própria resistência em busca da permanência da língua francesa. O presente trabalho pretende traçar um percurso histórico em torno do tema da quebecidade, a partir da releitura de momentos históricos fundamentais que acabaram por preparar o terreno em que emergem tais literaturas.

Palavras-chave: literatura quebequense, literaturas migrantes, quebecidade


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2238-8915.76307

Direitos autorais 2017 Organon

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

E-ISSN: 22388915 / ISSN Impresso: 0102-6267

LICENÇA

Os artigos publicados na revista estão sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

INDEXADORES

  

     

   

 

           Imagen relacionada

   

Flag Counter