O ABORTO COMO ACONTECIMENTO NA OBRA DE ANNIE ERNAUX

Elisa Fernandes Rodrigues, Sandra Dias Loguercio

Resumo


O presente artigo parte de um trabalho de tradução do francês para o português do romance autobiográfico L’événement (2000), em que a escritora Annie Ernaux relata e repensa o aborto clandestino que viveu em 1964, na França, a fim de elaborar esse acontecimento traumático. Temos por objetivo apresentar a autora do romance e as características de sua obra, além de refletir acerca da narrativa autobiográfica e da escrita feminina. Como o papel político da escrita é central para a autora, discute-se também a realidade do aborto na França, país onde a prática é legal desde 1975, o que consistiu em uma das principais motivações para a tradução do livro para o Brasil.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22456/2238-8915.76253

Direitos autorais 2017 Organon

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

E-ISSN: 22388915 / ISSN Impresso: 0102-6267

LICENÇA

Os artigos publicados na revista estão sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

INDEXADORES

  

     

   

 

Flag Counter