A política dos memes e os memes da política: proposta metodológica de análise de conteúdo de memes dos debates eleitorais de 2014

Viktor Chagas, Fernanda Alcântara Freire, Daniel Rios, Dandara Magalhães

Resumo


As Eleições 2014 ficaram marcadas no imaginário popular brasileiro como as “eleições dos memes”. Sob o ponto de vista científico, porém, acredita-se que há ainda raras tentativas de compreender o que o fenômeno dos memes, no ambiente da internet, representa para a Comunicação Política. Este trabalho propõe-se a expor resultados preliminares de investigação sobre os usos e as apropriações de memes político-eleitorais. O principal objetivo é desenvolver, a partir de propostas anteriores, uma matriz taxonômica capaz de auxiliar pesquisadores interessados no tema a tratarem dos memes com maior objetividade. Para tanto, procurou-se realizar uma análise de conteúdo sobre memes que circularam durante os debates eleitorais presidenciais em 2014. Os resultados apontam para a necessidade de avaliarmos a produção de sentido de internautas sobre a cena política, percebendo os memes como expressão de uma opinião pública capaz de ler a performance dos candidatos através de comentários sociais nas mídias digitais.

Palavras-chave


Internet e cultura política. Memes políticos. Eleições 2014.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19132/1807-8583201738.173-196



Intexto | E-ISSN 1807-8583

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação e Informação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: intexto@ufrgs.br

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos