A Fauna Marajoara em narrativas de viajantes do século XIX

Lucas Lucas Monteiro de Araújo, Agenor Sarraf Pacheco

Resumo


Neste artigo, analisamos expressões da fauna marajoara, seus usos locais e as interações com homens e uma mulher de ciência do século XIX, descritos em narrativas dos viajantes Louis e Elizabeth Agassiz, Henry Bates, Alfred Russel Wallace e Príncipe Adalberto da Prússia. Pelos escritos, apreendemos uma multiplicidade de formas de narrar a fauna da região, destacando-se três distintas práticas: as caçadas; as descrições científicas e as descrições da paisagem, que evidenciam diferentes posições adotadas por estes viajantes na relação humano e não-humano. Ainda que atravessados pelo olhar científico do século XIX e a ânsia por classificar animais aos padrões ocidentais, os narradores contaminaram-se com o simbolismo dos modos de ser e viver no mundo marajoara, tornando-se agentes históricos de mediação e tradução cultural. Com isso, contribuíram para a elaboração de um modo de ver, sentir e pensar a região, disseminado em escala planetária. 

Palavras Chave: Amazônia Marajoara. Literatura de Viagem. Fauna.

The Fauna Marajoara in narratives of travelers of the nineteenth century

Abstract

In this article, we analyze expressions of the fauna of Marajós, their local uses and interactions with men and a woman science of the nineteenth century, described in narratives of the travelers Louis and Elizabeth Agassiz, Henry Bates, Alfred Russel Wallace and Prince Adalbert of Prussia. Through the writings, we apprehended a multitude ways of narrate the fauna of the region, highlighting three distinct practices: the hunts; the scientific descriptions and the descriptions of the landscape, which show different positions adopted by these travelers in human and nonhuman relationship. Despite crossed by the scientific view of the nineteenth century and the eagerness to classify animals to Western standards, the narrators got contaminated with the symbolism of the ways of being and living in marajoara world, becoming historical agents of mediation and cultural translation. And so, they contributed to the development of a way of seeing, feeling and thinking the region, spread on a global scale.

Keywords: Marajoara Amazon. Travel Literature. Fauna.


Texto completo:

248-269 PDF


Revista Iluminuras - Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais - NUPECS/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS

E-ISSN 1984-1191