Fases pré-analítica, analítica e pós-analítica no monitoramento laboratorial da anticoagulação com antagonistas da vitamina K

Jonas Michel Wolf, Lucas Michel Wolf

Abstract


A trombose é uma doença caracterizada por eventos de hipercoagulabilidade. A terapêutica anticoagulante oral (antagonistas da vitamina K, AVK) é amplamente indicada na prevenção e/ou controle de distúrbios da coagulação. O manuseio de administração dos AVK é difícil, devido à complexidade da definição da dose. Substancialmente, o monitoramento de indivíduos que são submetidos à terapêutica com AVK é realizado pela determinação do tempo de protrombina, onde se avalia o grau de anticoagulação através do coeficiente internacional normatizado. Invariavelmente, o fluxo do processamento laboratorial que compreende as fases (pré-analítica, analítica e pós-analítica) é revestido de importância na fidedignidade dos resultados, repercutindo na conduta médica de forma determinante. O objetivo deste estudo foi à realização de uma revisão da literatura científica descritiva, utilizando bases de dados eletrônicos para busca de materiais científicos, tais como: Google scholar, MEDLINE, LILACS, PUBMED, SCIELO e Science Direct. Abordamos alguns aspectos relacionados ao fluxo analítico da monitoração laboratorial em um laboratório de análises clínicas. De forma conclusiva, é necessária uma apropriada condução das fases analíticas, para que seja possível o sucesso terapêutico com o uso dos AVK.

Palavras-chave: tempo de protrombina, coeficiente internacional normatizado; fases analíticas.


Keywords


prothrombin time, international normalized ratio; analytical phases



Copyright (c) 2017 Clinical & Biomedical Research

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

ISSN: 2357-9730 

http://seer.ufrgs.br/hcpa/

   

  

 

Licença Creative Commons
The Clinical & Biomedical Research is licenced under Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.