Edital de propostas para dossiês temáticos Revista Aedos – Processo seletivo 2018

 

Edital de propostas para dossiês temáticos Revista Aedos – Processo seletivo 2018


A AEDOS

Revista do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (ISSN 1984-5634), publicação eletrônica semestral de caráter público, convida os membros da comunidade acadêmica e pesquisadores a apresentarem propostas de dossiês temáticos. Serão selecionados até 02 (dois) dossiês, para publicação nos próximos números da revista 2018/1 e 2018/2.

 

As propostas deverão ser enviadas no período de 14 de novembro até 04 de dezembro para o e-mail: revista.aedos@gmail.com com o assunto “proposta de dossiê Revista Aedos 2018”.

 

  1. 1.    OBJETIVO

 

Os dossiês temáticos devem abordar temática relevante e, preferencialmente, inédita[1] do conhecimento histórico. Não serão aceitas propostas de temas de dossiê já publicadas pela revista.[2]

 

  1. 2.    COORDENAÇÃO

 

Podem se inscrever discentes de pós-graduação com vinculação institucional de qualquer universidade. Todas as propostas devem conter dois proponentes. Cada proponente poderá enviar apenas uma proposta temática.

 

  1. 3.    POLÍTICA EDITORIAL

Serão aceitos artigos para compor o dossiê que atendam as políticas editoriais de seção.

 

 

Artigos

 

Espaço dedicado à publicação de trabalhos conclusos ou com conclusões parciais sob forma de artigo, da área de História ou disciplinas afins, resultantes de pesquisas originais ou de revisão bibliográfica. 

Os textos devem ser inéditos em periódicos de qualquer espécie, bem como em capítulos de livros (publicados ou no prelo). Caso se verifique que o texto não é inédito, seu autor pode estar sujeito às medidas judiciais cabíveis.

Além disso, os artigos devem estar de acordo com as exigências expostas nas diretrizes para autores, no regimento da revista e em eventuais editais.

 

Confira: http://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/about/editorialPolicies#sectionPolicies

 

 

  1. 4.    PROPOSTA

 

A proposta deverá conter nome, titulação e vínculo institucional dos (as) organizadores (as), deve ser redigida em arquivo pdf, com no máximo 2 páginas, digitada em fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento entrelinhas 1,5 cm e margens 2,5 cm.

A estrutura da proposta deverá ser distribuída da seguinte forma:

 

      I.        Título;

    II.        Objetivos e enfoque pretendido (recorte temporal caso se aplique);

   III.        Temas de artigos que podem ser enquadrados;

  IV.        Lista de referências bibliográficas;

   V.        Cinco palavras-chave;

 

 

  1. 5.    SELEÇÃO

 

A análise e pré-seleção das propostas será realizada pela equipe editorial da revista Aedos, considerando os seguintes aspectos:

a)    Originalidade da proposta e relevância do tema proposto;

b)    Adequação à política editorial da revista;

c)    Adequação ao item 4;

d)    Clareza e coerência da proposta em relação à unidade temática do dossiê;

e)    A abrangência da temática proposta, de modo a permitir, inclusive, a diversidade regional e internacional de artigos;

 

Após a pré-seleção pela comissão editorial, as propostas serão votadas pelo público leitor da revista (usuários cadastrados na plataforma), sendo consideradas aprovadas aquelas que forem respectivamente a primeira e a segunda com maior número de votos.

 

  1. 6.    PUBLICAÇÃO

 

Após aprovação, os (as) organizadores(as) do dossiê serão responsáveis pela pré-seleção de artigos destinados ao dossiê no que se refere à adequação temática.  Também deverão acompanhar o processo de avaliação, organizar o sumário do dossiê e redigir a sua apresentação quando da publicação do número a que se refere. Todas as contribuições dos organizadores serão devidamente certificadas.

 



[1]  Quer dizer não existir proposta de tema igual em chamada aberta para revistas da área de história. A partir de uma pesquisa da equipe editorial, elencamos alguns temas que são recorrentes em outros periódicos e, assim, também não serão computados: Infância, saúde, História ambiental, História das Religiões e Literatura.

[2] São temas de dossiê já publicados: Política na América Latina contemporânea; História e crime; gênero, raça e classe; multiplicidade do saber histórico; história do trabalho; história: ensino e pesquisa; tempo presente; memória e história; ditadura, gênero e ensino de história; “o ofício de historiador”; ensino de história: imagens e mídias; coletivos indígenas na América; V Encontro luso-brasileiro de história medieval; conhecimento histórico e internet; V seminário de estudos medievais; lugares do fazer: instituições de pesquisa e ensino de história; a história sob o olhar dos viajantes; I encontro estadual de estudos medievais; nações, regiões, identidades; trabalho, justiça e direitos no Brasil; nas fronteiras da história:... “interdisciplinaridade”.