Curso de Capacitação para Cirurgiões-Dentistas no atendimento à pessoa com deficiência e necessidades especiais do Estado do Rio Grande do Sul: perfil do cirurgião-dentista, trajetória no serviço e cobertura dos municípios

Alexandre Baumgarten, Ana Paula Scherer Monteiro, Renata Córdova Petersen

Resumo


Objetivo: Analisar o perfil dos cirurgiões-dentistas que realizaram o ‘Curso de Capacitação para Cirurgiões-Dentistas no Atendimento à Pessoa com Deficiência e Necessidades Especiais do Estado do Rio Grande do Sul’, seu percurso no atendimento a esses pacientes e a cobertura dos municípios beneficiados com o programa. Materiais e Métodos: Estudo transversal de caráter exploratório-descritivo, realizado por meio da aplicação de questionário em 126 cirurgiões-dentistas(CDs) (86,9% do total) atuantes na atenção básica, no Estado do Rio Grande do Sul, e que participaram de uma das dez edições do referido curso entre 2000 e 2010. Foi criado um banco de dados com as informações coletadas no software estatístico SPSS. Resultados: A maior parte desses cirurgiões-dentistas são mulheres, possuem vínculo empregatício com o SUS e Clínicas/Consultórios Privados, trabalham no SUS por meio do regime estatutário com uma carga horária semanal de 40 horas. 68 afirmam atender pacientes especiais nas unidades básicas de saúde do SUS. Os principais motivos apontados para o não atendimento foram: não houve incentivo por parte dos gestores para a implantação de um programa para atendimento de pacientes especiais e não há equipe auxiliar capacitada. Apenas 58 dos 496 municípios do Rio Grande do Sul possuem um ou mais CDs capacitados que passaram pelo referido curso. Conclusão: Os resultados encontrados permitiram identificar o perfil dos CDS, sua trajetória no cuidado a esses pacientes e os municípios cobertos pelo programa.

Palavras-chave


Pessoas com Deficiência; Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde; Saúde Bucal; Recursos Humanos em Odontologia;

Texto completo:

PDF


ISSN 0566-1854 / e-ISSN 2177-0018