Violência de gênero: conhecimento e conduta dos profissionais da estratégia saúde da família

Lidiane de Cassia Amaral Martins, Ethel Bastos da Silva, Alitéia Santiago Dilélio, Marta Cocco da Costa, Isabel Cristina dos Santos Colomé, Jaqueline Arboit

Resumo


Objetivo: Avaliar os conhecimentos e condutas de profissionais de unidades da Estratégia Saúde da Família frente à violência de gênero. Métodos: Estudo descritivo, realizado com 53 profissionais de sete unidades de Estratégia Saúde da Família no período de março a julho de 2015. Os dados foram coletados por meio de instrumento autopreenchido e analisados no softwareExcel 2007. Resultados: Observou-se que o conhecimento dos profissionais sobre as definições, epidemiologia e manejo da violência variou de razoável a ótimo, apesar de conhecerem pouco sobre a prevalência de violência durante o período gestacional. Quanto às condutas, evidenciou-se dificuldade em questionar as mulheres sobre a violência e sua notificação. Os profissionais com menor tempo de assistência e que receberam capacitação apresentaram condutas mais adequadas. Conclusões: Sugere-se a realização de ações educativas visando fornecer subsídios para a atuação dos profissionais frente aos casos de violência de gênero.

Palavras-chave: Violência contra a mulher. Estratégia saúde da família. Conhecimento. Atitude.

 


Palavras-chave


Violência contra a mulher. Estratégia saúde da família. Conhecimento. Atitude.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447